Evento acontece nos dias 1.º e 2 de dezembro e conta com palestras sobre a aviação geral, além de exposição de aeronaves e serviços; no estande do Antares, os visitantes poderão conhecer mais detalhes sobre o empreendimento

O Antares Polo Aeronáutico marca presença na primeira edição da AviationXP, que acontece nos dias 1.º e 2 de dezembro, em Goiânia (GO). Durante o evento, será possível conhecer detalhes sobre o primeiro polo aeronáutico privado do Centro-Oeste. O empreendimento está sendo construído em Aparecida de Goiânia e já é um marco para a aviação geral brasileira.

O evento será realizado no Aeródromo Brigadeiro Mario Eppinghauss SBTV, conhecido como escolinha, no maior hangar do Centro-Oeste: OTON PARTS. A programação reúne uma série de palestras sobre o setor, mesas redondas, exposição de aeronaves, produtos, serviços e debates sobre temas que interessam à aviação geral.

“Temos a honra de participar da AviationXP, que deve possibilitar mais oportunidades de negócios na região Centro-Oeste. O Antares faz parte dessa evolução e traz para o Brasil uma tendência que já é realidade nos Estados Unidos e Europa: ter um hangar próprio em um aeroporto privado. Acreditamos no potencial de desenvolvimento econômico da região, sobretudo no que se refere à aviação geral”, disse Rodrigo Neiva, Diretor Comercial do Antares.

A cidade de Goiânia foi escolhida para sediar a AviationXP pela força que representa a região Centro-Oeste no cenário da aviação geral no País. Para se ter uma ideia, os Estados de Mato Grosso e de Goiás estão entre os sete maiores do Brasil em termos de frota de aeronaves da aviação geral, são quase 4 mil aeronaves. Em paralelo, o Brasil conta com 2.350 Aeródromos Privados (sem considerar helipontos e helidecks), a maior parte se encontra na região Centro-Oeste, com destaque para Mato Grosso (524) e Mato Grosso do Sul (437).

Vale ressaltar que o governo pretende editar um novo decreto até o fim de dezembro para liberação de voos comerciais em aeroportos totalmente privados. Hoje, os terminais recebem apenas operações da aviação executiva. “A mudança irá gerar um impacto muito positivo para a aviação brasileira, ampliando a conectividade aérea no País”, completa Neiva.

As obras do Antares começaram no dia 15 de julho e o projeto será construído em cinco fases. Na primeira etapa, serão entregues pista de pouso, área de embarque e desembarque e 72 áreas para hangares de 1.000m² a 1.500m² de área, além de  toda a infraestrutura necessária para os hangares, como energia elétrica, sistema de abastecimento de água, pavimentação asfáltica e toda a área fechada com portaria monitorada. 30% dos lotes já foram vendidos. O Antares também oferece áreas com mais de 100 mil m² para atender às necessidades do empreendedor.

Saiba mais sobre o Antares

O empreendimento vai ocupar uma área de 209 hectares e deve atrair empresas de táxi aéreo, serviço aeromédico, manutenção, hangaragem, escolas para formação de pilotos e estrutura de apoio, com comércio, restaurantes e hotel. A expectativa é atrair também indústrias, em especial fábrica de peças aeronáuticas, turbinas e motores para aviação, entre vários outros. Além de empresas voltadas para o segmento de logística.

O Centro-Oeste concentra grande parte da movimentação da aviação executiva no Brasil e o Antares quer absorver parte dos 63 mil pousos e decolagens realizados na região todos os anos.

O Grupo Empreendedor responsável pelo Antares inclui as empresas Tropical Urbanismo, Innovar Construtora, CMC Engenharia, BCI Empreendimentos e Participações e RC Bastos Participações. Mais informações https://antaresaeroporto.com.br/ @antarespoloaeronautico

Informações para a imprensa

Egom PR Agency – (11) 3666 7979

Marcela Matos (11) 98447 1756

Sala de imprensa: www.egom.com.br

E-mail: egom@egom.com.br

0 Comentários

Envie uma Resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

©2022 Egom Consultoria de Comunicação e Marketing

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?